Futsal Lisboa – 2ª Jornada Taça

Concluída que está a segunda jornada da Taça da Liga Empresarial três equipas assumiram a liderança isolada dos seus grupos. No grupo A a liderança vai para a Link Consulting, no grupo B para a Vilt Group e no grupo C para a Lynxmind com o grupo C a ter a aliciante luta entre Juul.pt e Tavares & Faria Tavares que em igualdade pontual (3 pontos) vão decidir na última jornada quem passa à fase seguinte.

 

Equipa da semana

Tavares & Faria Tavares – A equipa da Tavares & Faria Tavares com a vitória desta semana conseguiu dar um alento importante na luta para se apurar para a próxima fase da Taça. Uma equipa bastante completa desde o guarda-redes até aos atacantes, esta equipa conta com João Pica que esta semana conseguiu defesas importantes numa altura em que a sua equipa se encontrava balanceada para a frente. Do ponto de vista defensivo António Amaral assume-se como o comandante conseguindo transmitir serenidade e uma boa capacidade de desarme aparecendo também muitas vezes na frente para marcar. Num plano mais avançado a destacar dois homens que quando estão em campo elevam a qualidade de jogo não só pela sua qualidade de passe encontrando sempre uma maneira mágica de fazer chegar a bola aos seus colegas assumindo assim o papel de organizadores de jogo, são eles Carlos Santos e Nuno Costa (sendo este último o melhor marcador). Na frente destacamos Helio Felicio que com a sua qualidade técnica torna-se um problema para qualquer defesa que lhe apareça à frente. Luís Oliveira e Gonçalo Pereira assumem também um papel importante na hora de fazer golo.

 

 

 

Jogador da semana

André Alves (Link Consulting)  –  Jogo endiabrado de André. Numa jogo de altíssimo nível no pavilhão dos Maristas, André deixou tudo em campo, excelente esforço do jogador, trabalhou muito para a equipa, conseguindo ser dentro e fora de campo um elemento que puxava sempre pela equipa procurando que nunca desistissem de qualquer jogada. Fruto deste trabalho terminou o jogo com 3 assistências 1 golo.

 

 

 

 

 

 

5 da semana

GR – Vasco Carril ( Juul.ppt)
Fixo – António Silva (Lynxmind)
Ala – Nuno Costa (Tavares & Faria Tavares)
Ala – André Alves (Link Consulting)
Pivô – Ricardo Morais (Vilt Group)

 

Link Consulting 6 – 4 Plot Design Ideias e Traços 

 

JOGO DE ALTÍSSIMO NÍVEL!

Com a paragem do campeonato, deu-se início à segunda jornada da Taça de Lisboa. Num jogo que opunha a equipa da Link Consulting contra a equipa da Plot Desing Ideias e Traços.
Com o início da partida percebeu-se logo que a equipa da Plot vinha com uma ideia de jogo de pressionar bastante a Link Consulting e obrigá-los a errar. Assim foi, a pressionar muito e sem deixar a Link organizar o seu jogo, a Plot ganhou várias bolas no início de jogo e logo aos 2 minutos inaugurou o marcador. A Equipa da Link demorou uns minutos a entrar no ritmo da partida mas conseguiu e com uma primeira parte de extrema intensidade o jogo foi para o intervalo empatado a duas bolas.
Uma segunda parte que prometia muito espectáculo e ambas as equipas a não desiludirem!
Nos primeiros minutos desta metade ambas as equipas a marcarem e a mostrarem que estavam em campo para levar a vitória para casa. A distância do marcador não ultrapassou a diferença de um golo e o jogo esteve sempre em aberto até aos minutos finais onde a equipa da Plot quebrou um pouco e a Link Consulting aproveitou para estabelecer o resultado final. Duas equipas muito equilibradas e aguerridas! Foi um excelente jogo de futsal com bastantes golos e muita qualidade na quadra por parte de ambas as equipas. Um jogo de altíssimo nível em que a vitória poderia cair para ambos os lados, sendo que a equipa da Link Consulting acabou por aproveitar melhor as oportunidade e assim levou os 3 pontos para casa.

 

 

 

Lynxmind 4 – 3 Asseco PST

ATÉ AOS ÚLTIMOS SEGUNDOS

 

Jogo com bastante interesse neste grupo C com a Lynxmind a não querer desperdiçar a oportunidade de tentar assumir a liderança esperando uma boa conjugação de resultados do outro jogo enquanto que a Asseco PST procurava chegar aos lugares de apuramento.
O jogo começou de forma categórica para a Lynxmind que logo aos 2 minutos inaugurou o marcador. Após o golo as equipas começaram a definir as suas formas de jogar com a Lynxmind a assumir o controlo do jogo procurando sempre construir a partir de trás, procurando sempre jogar longo para os flancos onde estavam Marco André e Manuel Monteiro que depois de recepcionarem a bola procuravam rapidamente Joaquim Pedroso que aparecia ser na área para finalizar. Do lado das Asseco PST destaque para o facto de circularem bastante a bola nunca procurando o chuta para a frente e jogado sempre com critério e fazendo a equipa jogar como um todo, onde não havia propriamente um organizador de jogo ou simplesmente um homem que defendesse mas sim vários tornando a equipa imprevisível na hora de atacar visto que o ou os elementos que la chegavam eram quase sempre diferentes. Estas dinâmicas permitiram que o jogo se tornasse muito activo e que até final da primeira parte a Lynxmind levasse uma vantagem de 3-2.
Na segunda parte as equipas mantiverem as mesmas dinâmicas da primeira parte o que levou a que nos primeiros dez minutos e fruto das equipas já se conhecerem o jogo fosse mais cauteloso não dando aso a tantos erros e fruto do resultado se encontrar pela margem mínima as equipas não quiseram arriscar. Até final de jogo destaque para a Lynxmind que conseguiu explorar melhor o espaço deixado pela equipa adversária e sentenciou o resultado em 4-3.
Com esta vitória a Lynxmind assume o primeiro lugar do seu grupo.

 

Vilt Group 5 – 4 #TeamNoesis

REVIRAVOLTAS ESCALDANTES

 

Jogo entre duas equipas que traziam perspectivas interessantes à partida com a Vilt Group a querer assumir a liderança isolada do grupo e a #TeamNoesis a ambicionar lutar pelo primeiro lugar.
Inicio de jogo muito táctico com as duas equipas a procurarem o erro da equipa adversária, sendo que nos primeiros 15 minutos houve fases em que era da Vilt que assumia mais o jogo através de Ricardo Morais e Manuel Fernandes que tentavam furar a baliza contrária mas muitas vezes Nuno Rodrigues impedia tais intentos. Do lado da #TeamNoesis era Rodrigo Neves quem se assumia como referência atacante tendo em Nuno Rodrigues o pilar defensivo. O marcador acabaria por ser desfeito através de bola parada com Gil Silva a aparecer bem ao primeiro poste e a desviar para o fundo da baliza. Já perto do fim e fruto de uma jogada bem tricotada entre Gil Silva e Ricardo Morais, este último acabaria por marcar um grande golo de calcanhar levando uma vantagem de 2-0 para a sua equipa ao intervalo.
Na segunda parte a Vilt entrava bem outra vez no jogo conseguindo ampliar a vantagem mas se pensam que as emoções ficariam por aqui desenganem-se porque a #TeamNoesis com uma alma de gigante e liderada pelo capitão Rodrigo Neves iria conseguir a reviravolta nos 10 minutos seguintes com Fábio Domingues a ser o parceiro ideal de Rodrigo nesta reviravolta, finalizando com grande categoria as bolas que este lhe dava, Rodrigo aliando a sua elevada técnica ao bom físico que consegue impor aos defesas adversários consegue estar presente nos 4 golos com duas assistências e dois golos. Mas meus senhores se acham que as emoções ficam por aqui desenganem-se porque a dois minutos do fim os suspeitos do costume na equipa da Vilt Group, Gil Silva e Ricardo Morais, voltaria a fazer das suas e conseguiriam dar a volta ao marcador sentenciando perto do fim o resultado em 5-4.
Com esta vitória a Vilt Group assume a liderança do grupo B.

 

 

 

Tavares & Faria Tavares 11 – 4 Juul.pt

AUMENTO DE RITMO NA 2ª PARTE DITOU RESULTADO

 

Jogo que trazia uma grande expectativa visto que a Juul.pt se ganhasse carimbava a passagem à próxima fase e a Tavares & Faria Tavares precisava de ganhar para alimentar esperanças.
O jogo começou a um bom ritmo por parte da Tavares & Faria Tavares que fruto de uma troca de bola rápida e aproveitando os espaços em aberto conseguiu uma vantagem de quatro golos sem resposta aos 10 minutos de jogo com Carlos Santos e Helicio Felicio muito bem nos momentos de criação de oportunidades de golo. A Juul.pt não baixou os braços e conseguiria diminuir a vantagem e chegar ao intervalo a perder apenas por 5-3 fruto de uma maior coesão na defesa e aproveitando para jogar em contra-ataque com destaque para Vasco Carril que com duas assistências para Paulo Pereira marcar deu um impulso grande à sua equipa.
Na segunda parte o jogo recomeçou na mesma toada do final da primeira parte com a Juul.pt a fechar bem ao nível defensivo e a procurar sair o contra-ataque tendo em Diogo João a principal referência atacante, Paulo Pereira a aparecer bem na ala procurando muitas vezes o remate cruzado e Vasco Carril que mesmo sendo Guarda-redes é uma constante a sair a jogar. Por outro lado a Tavares procurou sempre pôr muita intensidade no jogo trocando a bola rápido, circulando de um flanco ao outro com Nuno Costa a fazer finalizador enquanto que Hélio Felicio e Carlos Santos assumiam a parte de criação. Este ritmo acabaria por se reflectir no resultado final visto que nos últimos dez minutos a Tavares acabou por sentenciar a partida.
Com esta vitória a Tavares & Faria Tavares aqueceu a luta pelo segundo lugar na Grupo C.

Leave a Reply