FUTEBOL 7 TAÇA LISBOA – FINAL

A grande Final da Taça disputou-se no Complexo Desportivo São João de Brito, opondo o OLX à Germano de Sousa. Por um lado, o OLX que vinha de vitórias contra TBSS, Casino e Mind Source chegava a esta final como tomba gigantes, por outro lado a Germano Sousa tinha eliminado a Queijos Santiago, NetJets e Gelpeixe.

Posto isto, esperava-se um grande jogo e dado o resultado está à vista que as equipas não defraudaram as espectativas dos adeptos presentes.

Flash Interview: Daniel Gomes (OLX)

7 da Semana:

Guarda-redes: Afonso Cunha (OLX)

Defesa: Tiago Ferreira (OLX)

Defesa: Carlos Marques (Germano Sousa)

Médio: João Duarte (OLX)

Médio: Mauro Santos (Germano de Sousa)

Médio: David Cosmelli (Germano Sousa)

Avançado: Daniel Gomes (OLX)

Crónica:

OLX 4 – 4 Germano de Sousa (6-5 ap)

OLX LEVANTA O CANECO NOS PENALTIES

Grande jogo em perspetiva nesta noite de Liga Empresarial, com o OLX e Germano Sousa a medirem forças nesta final da Taça.

Nos primeiros minutos as equipas estavam na expetativa de ver o que a partida ia dar e não descoravam os aspetos defensivos, mantendo sempre 2 homens mais recuados. Aos 8 minutos Diogo Santos à bomba abre o marcador e coloca a Germano Sousa em vantagem, mas Carlos Costa dois minutos repõe a igualdade no marcador. O jogo estava aberto e aos 14 minutos João Duarte após uma boa jogada individual coloca o OLX em vantagem, mas Afonso Cunha com muito azar faz um auto-golo que repõe a igualdade no marcador. Os últimos 10 minutos da 2ª parte não tiveram mais golos mas as oportunidades de golo das equipas sugeriam uma 2ª parte muito forte.

Na 2ª parte, O OLX entrou com mais ímpeto e colocou as suas linhas sobre o meio-campo da Germano Sousa que estava muito bem a defender e que tentava sair em contra-ataque causando alguns calafrios. Aos 26 minutos Daniel Gomes coloca o OLX em vantagem e aos 34 minutos o mesmo suspeito coloca o OLX a vencer por 2 golos de vantagem. A partir deste momento, a Germano Sousa começou a carregar e reduziu por Diogo Santos de grande penalidade. Quando o OLX já esperava o apito do árbitro, David Cosmelli faz o empate aproveito uma bola perdida num pontapé de canto. O jogo teria de ser decidido nos penalties.

Afonso Cunha foi o herói ao defender o penalty que deu a vitória ao OLX, que se sagrou assim vencedor da Taça de Lisboa.