07-12-2017 21:00

Time line

50'

Estatísticas do Jogador

Ageas e ADCRPJ entravam em campo dispostas a esquecer os últimos resultados e em chegar de novo aos triunfos.

A Ageas depois de alguns jogos sem pontuar entrava de forma confiante no encontro e logo no segundo minuto criava vantagem no marcador. Após canto marcado da esquerda do ataque, Luís Gouveia antecipa-se da melhor forma à defesa contrária e de cabeça faz um golo cheio de oportunidade. A Policia Judiciária tinha mais bola, mas era a Ageas que se mostrava mais próxima de novo golo. O remate de Rui Vilar era devolvido pelo poste. Com o tempo a PJ foi conciliando com a posse de bola jogadas de perigo, mas Pedro Costa estava em dia sim. A pressão da PJ ia-se acentuando, a Ageas recorria à falta para parar os ataques, o que levou a uma sucessão de faltas em zona perigosa em poucos minutos. A Ageas saía incólume a esses lances, mas já perto do final do primeiro tempo, Benvindo Luz com tempo para passar encontra Vítor Abrantes isolado na grande área, e este sem dificuldades empata a partida.

A segunda parte começava de novo com a ADCRPJ por cima do encontro, ainda que a Ageas nunca descurasse o ataque. Carlos Galo mostrava-se importante a defender como a levar a bola para o ataque e ia sacudindo a pressão. Sem surpresas a ADCRPJ confirmaria a reviravolta no marcador com o golo do suspeito do costume. Carlos Cristão tira o defesa do caminho, remata cruzado e coloca a sua equipa a vencer pela primeira vez.  A partir desse momento o jogo tornou-se mais aberto. A Ageas teria que atacar caso quisesse ainda recuperar no marcador. E após algumas jogadas de perigo de lado a lado, Rui Vilar empataria a partida numa finalização de classe à entrada da pequena área, respondendo da melhor forma ao cruzamento de Pedro Dias.  Pouco depois, Rui Ferreira nega o golo, no cara a cara, com Vilar. A Ageas era mais perigosa, mas o encontro estava partido e o golo poderia surgir em qualquer baliza. A 3min do fim, Vasco Palhinha comete falta para grande penalidade. Oportunidade soberana para Rui Vilar, mas Rui Ferreira mais uma vez enorme evita o golo. O encontro prosseguia a um ritmo louco, o golo adivinhava-se e surgiria de onde menos se esperava. Após um erro na colocação de bola em jogo, Rui Vilar aparece sozinho frente-a-frente com Rui Ferreira que desta vez nada conseguiu fazer para evitar o golo. O jogo acabaria pouco depois coma vitória da Ageas.

Que grande jogo nos protagonizaram estas duas equipas. Com o vencedor apenas a ser encontrado no último minuto da partida. O empate talvez se ajustasse melhor ao desempenho das duas equipas, mas a ponta final muito forte da Ageas foi suficiente para chegar ao triunfo.  

comentários

A Liga Empresarial

A Liga Empresarial é a maior competição desportiva entre empresas em Portugal. Disputa-se em várias cidades do País -  Porto, Lisboa, Oeiras e Castelo Branco - e em várias modalidades, das quais se destacam o Futebol 7 e o Futsal.

LE Facebook

©2018 Liga Empresarial. All Rights Reserved.

Search