Timeline

 
50'

Encontro que gerava grandes expectativas. De um lado a experiente EPAL que queria somar mais uma vitória e do outro a Vistas e Catalão, que depois de um falso arranque no primeiro jogo, só tinha os olhos postos da vitória.

A história da partida abriu de feição para a turma vermelha e branca, já que Catalão, logo à passagem do minuto 3, inaugurou o marcador. A EPAL teve que correr atrás do resultado e meteu muita intensidade, com transições rápidas e constante troca de bola. Pela frente a Vistas e Catalão apresentou uma defesa segura, e espreitou sempre a possibilidade de aumentar a vantagem. Na melhor oportunidade deste conjunto, José Dias depois de tirar o gr adversário da frente, viu-lhe ser negado o golo com um grande corte de cabeça de Fábio Carmo, em cima da linha de baliza. Mais golos só no 2º tempo.

Após o intervalo a toada do encontro manteve-se. A EPAL continuou a sentir muitas dificuldades, mas foi criando cada vez mais perigo. A intensidade foi aumentando, e a muralha adversária foi acusando algum desgaste, natural da história do encontro. Empolgada, a EPAL, apostou em jogadas colectivas bem desenhas, com a velocidade dos homens da frente a desequilibrar, e assim chegou aos golos. Primeiro é Guilherme Monteiro lançado em profundidade, que surge na área e depois de tirar o gr adversário da frente, atirou a contar, para o empate. Depois é Nuno Ribeiro, em jogada idêntica a assinar o 2-1. Por fim Guilherme Monteiro bisa e faz o 3-1 que dá alguma segurança aos homens de Marco Lopes. Mas esta segurança era puro engano. Do outro lado Gonçalo Catalão estava de pé quente e à passagem do minuto 40, com um remate cruzado, voltou a meter o marcador com a diferença mínima. Esperava-se uns últimos 10 minutos fantásticos, e assim foi. Os papéis inverteram-se e era agora a fase em que a Vistas Catalão carregava, e a EPAL defendia. Na baliza da EPAL Paulo Grave fechando todos os caminhos, e passando confiança a equipa. Não se registaram mais golos, saindo a EPAL de campo com os 3 pontos.

Grande desafio de duas equipas que mostraram muita vontade em vencer. A EPAL dominou durante mais tempo, pelo que resultado se aceita. Contudo a Vistas e Catalão poderia ter saído de campo com um ponto, pois deu também uma excelente réplica. É um conjunto com valor que irá somar a primeira vitória a qualquer momento. O gr Paulo Grave foi peça fundamental para a vitória, enquanto Cláudio Jerónimo, foi o atleta mais inconformado do Vistas e Catalão.

comentários

A Liga Empresarial

A Liga Empresarial é a maior competição desportiva entre empresas em Portugal. Disputa-se em várias cidades do País -  Porto, Lisboa, Oeiras e Castelo Branco - e em várias modalidades, das quais se destacam o Futebol 7 e o Futsal.

LE Facebook

©2018 Liga Empresarial. All Rights Reserved.

Search