10-05-2018 22:00

Timeline

 
50'

Bueno e BPM protagonizam o melhor encontro da noite mas colocam o rival Neoparts no topo da classificação…

Num dos jogos mais apetecíveis da noite o BPM entrou praticamente a ganhar neste encontro com o golo madrugador de Rui Amaral. O Bueno respondeu quase de forma imediata, Berna numa das suas investidas ao ataque rematou forte e colocado para o fundo da baliza. A equipa de Pedro Maia ficou a pensar demasiado tempo no golo do empate já que no minuto seguinte, Amaral voltou a colocar a sua equipa em vantagem. O Bueno correu atras do prejuízo, Nandinho isolou Rui Duarte e o camisola 9 perdoou aquilo que nunca perdoa… O BPM atravessava um período terrível, Nandinho voltou a colocar os pescadores em sentido, valeu a grande defesa de Pedro Carvalho. Numa perda de bola do BPM, desta vez a assistência foi de Rui Duarte e o astro Nandinho não vacilou e colocou tudo empatado. O golo da reviravolta no marcador surgiu de forma inesperada e a bola entrou caprichosamente na baliza do BPM depois do remate de Miguel Sousa. O BPM colocou Faustino em campo depois de um longo período ausente, o camisola 7 na sua primeira intervenção cruzou rasteiro e Rui Amaral livre de marcação fez o 3-3 na partida. O jogo estava intenso e antes de terminar o primeiro tempo André Cidade viu a trave negar o golo da vantagem.

No segundo tempo o Bueno entrou fortíssimo, Rui Duarte subiu ao terceiro andar atirou de cabeça mas o esférico não entrou por indicação do juiz da partida, lance que nem foi preciso ser analisado pelo VAR uma vez que não é aplicado nesta competição. O BPM entrou num ritmo mais lento, o cansaço já era visível sobretudo em Pedrinha que teve uma prestação para esquecer… O Bueno voltou a superiorizar-se na partida, João Mendes aproveitou uma perda de bola de Pedrinha atirou forte para uma grande defesa de Pedro e na recarga quem mais poderia ser, Ruigoal em posição irregular é certo mas também não temos foras de jogo fez o 4-3 na partida. Os pescadores voltaram a reunir as tropas, Pedro Valentim teve perto do golo, valeu a enorme defesa de Marco e pouco depois no melhor pano cai a nodoa, Rui Amaral atirou forte e Marco Gouveia numa abordagem pouco ortodoxa desviou a bola para o interior da baliza. O marcador assinalava 4-4 com apenas 10 minutos de jogo, eis que surgiu um grande momento de futebol protagonizado por Joel Monteiro que deixou meia equipa do Bueno para trás e rematou de forma subtil para o fundo da baliza para tamanha explosão de alegria do banco do BPM. O Bueno voltou a empatar a partida nos instantes finais, campo bem apontando e André Cidade de cabeça colocou tudo na estaca zero, 5-5. As equipas já pensavam na divisão de pontos, os adeptos não arreavam pé do Arena de Pedrouços até porque os últimos minutos da partida foram intensos! O camisola 10 do Bueno voltou a ser protagonista colocando a sua equipa na frente do marcador, e mesmo aos cair do pano ou seja nos descontos sobre descontos Rui Amaral fez a manita e fixou o resultado em 6-6.

Jogo improprio para cardíacos, destaque para Rui Amaral, uma exibição memorável da camisola 6 do BPM que foi importantíssima na sua equipa ao apontar 5 dos seis golos obtidos. Na equipa do Bueno Marco Gouveia vacilou mas atenção, este miúdo é seguramente um dos melhores guarda-redes deste campeonato e neste momento voltou a prová-lo. Destaque para Nandinho, o camisola 10 do Bueno voltou aparecer nos jogos grandes e neste encontro foi um autêntico quebra-cabeças para a equipa dos pescadores.             

       

 

comentários

A Liga Empresarial

A Liga Empresarial é a maior competição desportiva entre empresas em Portugal. Disputa-se em várias cidades do País -  Porto, Lisboa, Oeiras e Castelo Branco - e em várias modalidades, das quais se destacam o Futebol 7 e o Futsal.

LE Facebook

©2018 Liga Empresarial. All Rights Reserved.

Search