Timeline

 
40'

Estatísticas do Jogador

O desafio já seria difícil, mas mais ficou quando a Go Factory iniciou a partida com 4 elementos, e nos primeiros 3 minutos, esta equipa sofreu 3 golos. Logo depois, já com 5 jogadores, este conjunto equilibrou a partida mas sem nunca conseguir concretizar algum ascendente que a espaços foi conseguindo. Do outro lado estava uma das melhores equipas da prova, os The Cage, que fizeram questão de voltar a deixar isso bem claro. Já bem perto do intervalo José Dias fez o 4-0 que praticamente sentenciou a partida.

Os segundos 20 minutos iniciaram da pior forma para o conjunto amarelo, pois na saída de bola, Artur Simões assinou o 5-0. Este jogador estava de pé quente a brilhou alto sobretudo neste período complementar. A Go Factory tinha em Daniel Pinho na frente e André Lourenço como esteio defensivo, os homens mais inconformados. De resto sempre que André Lourenço rodava no banco de suplente, a sua ausência era notada em campo. Elementos como André Santos ou Tiago Morais, não se estavam a destacar, ao contrário do habitual. Do outro lado a máquina oleada ia facturando, com André Chen a marcar aos 34, e Artur Simões nos minutos finais a somar mais 3 golos para a sua conta pessoal.

Partida com um vencedor sem discussão, embora a Go Factory merecia ter apontado o tento de honra. Do outro lado mora uma equipa com muita classe, e que se vai destacando quer na taça quer no campeonato.

comentários

A Liga Empresarial

A Liga Empresarial é a maior competição desportiva entre empresas em Portugal. Disputa-se em várias cidades do País -  Porto, Lisboa, Oeiras e Castelo Branco - e em várias modalidades, das quais se destacam o Futebol 7 e o Futsal.

LE Facebook

©2018 Liga Empresarial. All Rights Reserved.

Search