Timeline

 
40'

Estatísticas do Jogador

Hora Evento QTD

A partida não podia ter começado da melhor forma para os The Cage, já que na primeira jogada do encontro, Hugo Falcão abriu o activo. A Brisa ainda não estava restabelecida, e sofreu mais 3 golos até aos 10 minutos. As suas peças não mostravam a solidez defensiva de outras partidas, e o marcador ia-se ressentindo. Após um mau início, os verdes deram um “ar da sua graça” e atiraram ao poste pelo capitão Paulo Borja. Mas quem voltou a marcar foi mesmo os The Cage, primeiro por Hugo Falcão à passagem do minuto 18 e José Dias aos 19. Registo ainda para dois excelentes cortes de Miguel Vale, defesa da Brisa, em dois ataques rápidos muito comprometedores dos The Cage.

O 2º tempo abre com a Brisa a inaugurar o marcador neste período, por Miguel Vale. A Brisa, motivada, foi apontando alguns golos, o problema é que do outro lado também os The Cage marcavam, impedindo que os “verdes” se aproximassem no placar. De resto a partida ficou muito incaracterística de parte a parte. Muitos espaços e uma chuva de golos em ambas as balizas. Assim e apesar do esforço da Brisa, do outro lado morava o talento de construir jogadas muito bem desenhadas no último terço de terreno, pelo que os The Cage foram sempre controlando a partida. O marcador foi escalando com os The Cage a distanciarem-se sobretudo nos minutos finais.  Fecharam numa vitória esclarecedora por 17-5.

Mais uma partida em que os The Cage mostraram que são temíveis no ataque. Por outro lado a Brisa não conseguiu a sua solidez defensiva. Destaque para José Dias, autor de 6 golos. Do outro lado, Miguel Vale foi o mais inconformado.

comentários

A Liga Empresarial

A Liga Empresarial é a maior competição desportiva entre empresas em Portugal. Disputa-se em várias cidades do País -  Porto, Lisboa, Oeiras e Castelo Branco - e em várias modalidades, das quais se destacam o Futebol 7 e o Futsal.

LE Facebook

©2018 Liga Empresarial. All Rights Reserved.

Search